O desemprego é o ato de uma pessoa não possuir um trabalho. ah é que é isso? :O. Isso acontece por causa do alto nível de estudantes se formando por semestre para poucas vagas de emprego.

Bom, eu nunca desejo o mal de ninguém mentira, mas tem pessoas que mereciam ficar desempregadas e comerem as próprias meias para sobreviver, como por exemplo:  todos os emos que fazem sucesso, principalmente na área musical, e para as pessoas da banda Dejavu e afins.

Mas deixando a maldade de lado,  aposto que, ao lerem o título do post, vocês devem ter pensado:

Nossa, ‘desemprego’ com ‘z’? Que burro, dá zero pra ele!

Isso mesmo, ‘desemprego’ com ‘z’. Pois, se vocês observarem, é em DEZembro que o índice de desemprego cai, já que tudo quanto é loja contratam várias pessoas dispostas a vestirem uma roupa de inverno, com um gorro e uma barba que deve de coçar pra baralho e carregarem um saco na mão pra cima e pra baixo – leia-se ‘Papai Noel’ (estudos comprovam que  24,69% dos Papais Noel são pedófilos, os outros 75,31% não sabem ou não opinaram).

Agora vocês devem estar se perguntando:

O que será que essas pessoas fazem depois que acaba o Natal?

Uma imagem vale mais do que mil palavras. Profundo, não?

Acho que eu falei tudo que eu tinha que falar sobre o desemprego. Ah, e se você tiver menos de dezoito 7 anos, ignore tudo que eu falei sobre Papai Noel, ok?